Del Potro impõe sua lei em Acapulco

Juan Martin del Potro foi o melhor dos pontos importantes e manteve seu serviço invicto para vencer o sul-africano Kevin Anderson (6-4 e 6-4) e vencer o Tênis aberto mexicano em Acapulco.

Del Potro, nono na classificação da ATP, veio preparado para cancelar o temível saque de Anderson, oitavo no ranking, e obteve-o com a maior economia possível, uma quebra em cada set para ganhar seu primeiro título do ano, o primeiro e o primeiro de sua carreira.

No manga inicial, o argentino começou pacientemente, assegurou-se de manter seu saque e, no sétimo jogo, fez duas peças importantes na rede e quebrou o sul-africano para marcar o destino do primeiro set.

Anderson tentou as variantes no segundo, procurou o retrocesso paralelo que falhou sistematicamente e no terceiro “jogo” escorregou e começou a queixar-se de desconforto no joelho esquerdo.

Del Potro manteve a concentração, procurou golpes nos ângulos retos e segurou bem o ‘drive’ para quebrar esse terceiro jogo e confirmar a quebra no quarto que aproveitou o 3-1 e começou a ver o outro lado.

Wounded, Kevin insistiu em seu bom saque, mas colocou pouco veneno e Del Potro acabou de retornar bolas com sobriedade e às vezes tentou diminuir a moral do oponente com bons retornos.

A vitória, alcançada em 100 minutos, foi o terceiro em três dias de Juan Martin em um jogador entre os oito melhores do mundo, algo estranho em um torneio 500 ATP, e serviu a América do Sul para mostrar uma grande forma de esporte alguns dias dos mil mestres de Indian Wells e Miami, agendados para este mês.

TSURENKO CONCEDE TORNEIO FÊMEA
Pouco antes da ucraniana Lesia Tsurenko, o jogador 40 do ranking da WTA, obteve os melhores retornos de uma luta de 2h 44 quando ganhou 5-7, 6-7 (2) e 6-2 para a Suíça Stefanie Voegele e retém a título de mulher.

About comentarista de esportes

View all posts by comentarista de esportes →

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *